Reumatologia


A CLÍNICA

De forma inovadora, o Instituto de Medicina do Idoso | IMEDI consolida no Recife, em um só lugar, várias especialidades médicas com foco de atuação em saúde do idoso.

SAIBA MAIS


HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Segunda a sexta das 08h às 19h.Estacionamento terceirizado em frente à clínica, com manobrista.

Segunda a sexta-feira08:00 as 19:00
SábadoFechado
DomingoFechado


ESPECIALIDADES

o IMEDI reúne uma equipe interdisciplinar de médicos, terapeutas ocupacionais, fisioterapeutas, educadores físicos, psicólogos, nutricionistas e odontólogos. Todos já com experiência em atuação no cuidado do idoso.

SAIBA MAIS

REUMATOLOGIA

A sociedade tem enfrentado um fenômeno de transição epidemiológica caracterizado pelo envelhecimento populacional, decorrente, entre outros fatores, de diminuição da taxa de fecundidade e aumento da expectativa de vida. No Brasil, dados preliminares do último censo (IBGE, 2010) descrevem um crescimento na participação relativa da população com 65 anos ou mais, que era de 4,8% em 1991, passando a 5,9% em 2000 e chegando a 7,4% em 2010.

A Reumatologia como especialidade médica ocupa-se do estudo de doenças que acometem o sistema músculo-esquelético, incluindo doenças articulares, ósseas e musculares. Muitas dessas doenças caracterizam-se também pelo comprometimento de outros órgãos, como pele, rins, pulmões e coração. Sendo assim, o trabalho do reumatologista envolve a avaliação de condições multissistêmicas, diretamente relacionadas à inflamação e à imunidade.

A população idosa representa mais de 50% dos atendimentos nos consultórios de reumatologistas e isso pode ser atribuído a diversos fatores. Sabe-se que algumas doenças reumáticas apresentam maior prevalência na população idosa, como a osteoartrite, osteoporose e polimialgia reumática. Além disso, doenças reumáticas crônicas, cujo aparecimento se dá tipicamente em faixas etárias mais jovens (como artrite reumatoide, espondilite anquilosante e lupus), com o aumento da expectativa de vida passarão a ser cada vez mais frequentes nesse grupo de pacientes.

Frequentemente, as doenças reumatológicas correspondem a condições crônicas, muitas vezes associadas a quadros dolorosos persistentes e comprometimento significativo da capacidade funcional e da qualidade de vida. Com relação aos idosos, particularidades desse grupo de pacientes devem ser levadas em consideração:

– Alterações fisiológicas associadas ao envelhecimento, como diminuição da densidade óssea e diminuição da força muscular;
– Presença de múltiplas comorbidades, que podem acentuar ou mascarar os sintomas de doenças reumáticas;
– Uso concomitante de várias medicações, com maior possibilidade de interações medicamentosas e maior risco de eventos adversos.
– Desafio diagnóstico em algumas situações, com possibilidade de apresentações atípicas e maior frequência de exames falso-positivos.

Sendo assim, há de se destacar a importância de uma avaliação global do paciente idoso, levando-se em consideração os aspectos citados anteriormente, e a necessidade de uma estratégia de tratamento e acompanhamento diferenciados, com ênfase na abordagem multidisciplinar.

A avaliação do paciente idoso por um Reumatologista é imprescindível em diversas situações. Além da avaliação de doenças com maior prevalência na população idosa, como a osteoartrite e a osteoporose, tem sido cada vez mais frequente a necessidade de acompanhamento a longo prazo de doenças desencadeadas na adolescência ou idade adulta, como artrite reumatoide e lúpus. Uma abordagem global, levando em consideração as particularidades da faixa etária, está associada a um impacto positivo na qualidade de vida.

Nossos Especialistas

IMG_28

Dra. Andréa Dantas

Residência em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas – UFPE
Residência em Reumatologia pelo Hospital das Clínicas – UFPE
Mestrado em Ciências da Saúde – UFPE
Doutorado em andamento pelo Programa de Pós-Graduação em Inovação Terapêutica (PPGIT) – UFPE
Título de Especialista em Reumatologia pela Sociedade Brasileira de Reumatologia e Associação Médica Brasileira
Vice-presidente da Sociedade de Reumatologia de Pernambuco (SRPE) gestão 2012/2014